Omoshiroi #013 – The Promised Neverland

Uma história surpreendente e eletrizante!

Neste Omoshiroi Luis Hunzecher e Aline Hunzecher falam sobre o surpreendente anime e mangá The Promised Neverland (também conhecido como Yakusoku no Neverland).

capa omoshiroi 013 the promised neverland

Edição: Luis Hunzecher
Capa: Luis Hunzecher

Parasyte é um mangá de 2016 escrito por Kaiu Shirai e ilustrado por Posuka Demizu, posteriormente adaptado para anime pelo estudio A-1 Pictures em 12 episódios até o momento.

No Brasil, o mangá foi publicado pela Panini, e o anime se encontra disponível no Crunchyroll

A história acompanha o orfanato Grace Field house, onde 38 órfãos de até 12 anos moram lá, entre eles a inteligente a amável Emma, o estrategista Norman e o silencioso e inteligente Ray. Nesse orfanato as crianças são cuidadas por uma mama, uma mulher amável e atenciosa que cuida de todas as crianças. Lá eles são muito bem cuidados, felizes e para provar suas capacidades, fazem provas diárias, a espera de poder serem adotados um dia

Com momentos de reviravolta impressionantes, questionamentos e momentos extremamente tensos na história, The Promised Neverland é uma pedida certa para todos aqueles que gostam de histórias mais psicológicas, com menos lutas e mais voltadas para as ações dos personagens.

Veja mais!

Ouça também

Seja um Padrinho

Agradecimento aos Padrinhos:

  • Brendo Marinho; Cleiton Medeiros; Dalton Soares; Debersom Nascimento; Diego Silva; Diego Cruz; Fabiana Gonçalves; Gustavo Leitão; Jhonas Gama; Jota (João Paulo); Pensador Louco; Rebeca Serra; Rhuan de Oliveira; Ricardo Orosco; Sebastião Nunes; Thiago César; Vitor Campoy

Contribua para ajudar o Papo de Louco a crescer e receba acesso a conteúdos exclusivos, além de fazer parte do nosso grupo de mensagens no WhatsApp: https://www.padrim.com.br/papodelouco

—————————————————————————

Quer participar do programa ou mandar um feedback para nós?

Mande um email para: contato@papodelouco.com

Subscribe on iTunes
Subscribe on Android
Subscribe on Spotify

Deixe uma resposta